quinta-feira, 30 de junho de 2011

Melancias - não explosivas! (I hope)

Na minha pesquisa de pacotes de férias, e comparações de hotéis, tenho visto um pouco de tudo. Gente com língua de fel, fotos e mais fotos, queixas, elogios, preços proibitivos, espeluncas, paisagens simpáticas etc. Um dia destes achei imensa piada a um comentário sobre um resort na Grécia. A fotografia, um carro carregado de melancias à porta do hotel, dizia quase tudo. A legenda acrescentava: aqui estão elas. Prepare-se, todos os dias há melancia, para dar e enjoar...lol

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Anthony Capella

O livro que me fez apaixonar por Roma ainda antes de pisar o seu solo. Li a versão inglesa. E a paixão, por Roma e não só, continua a ser avassaladora.

terça-feira, 28 de junho de 2011

Os deuses devem estar loucos!

E logo a seguir ao dia de calor infernal, so' comparavel aos ares das Caraibas, segue-se a chuva. Raios, trovoadas, tromba de agua e pedacos de gelo...

Eu gosto e' do Verao...Parte II

Ontem fiz uma salada para o jantar. Era a unica coisa que me apetecia comer  com o calor que se fez sentir. E que boa ficou, de fazer inveja 'as saladas do 'Vitaminas', que tambem adoro!

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Hoje foi um daqueles dias em que a realidade ultrapassou, nem sei quantas vezes, a ficção... Contado ninguém acredita. Um dia eu conto!

E agora que o tempo esta' uma brasa...

Parece que nao tenho nada para vestir...

Cláudia/Jô

A propósito da Cláudia Raia ter dito, recentemente, que tinha um gosto ecléctico, no que toca a homens, por ter casado com Alexandre Frota e namorado Jô Soares, voltei a ser lembrada deste facto. Como é que um mulherão como a Raia namorou com Jô Soares?........... O amor é realmente cego, e há olhos que se encantam por ramelas... :)

domingo, 26 de junho de 2011

Morangos amargos

O famoso Angélico, que não conheço porque nunca segui o que faz, causou um acidente que matou uma pessoa. Obviamente que ninguém fala da pessoa que faleceu. É um desconhecido. Apenas do famoso Angélico, que conduzia a rebentar e sem cinto... E é isto!

Feitiço Da Vila


Mais uma bela melodia!

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Na Casa do Seu Humberto - Márcio Faraco


Coisa tão boa!

A fúria das vinhas

Ando com uma vontade imensa de ler este livro. Tenho um fascínio por mulheres de fibra, que marcam a história do seu tempo, e a 'Ferreirinha', do pouco que li, parece uma figura fascinante. Uma próxima compra em Portugal!

Carine Roitfeld*


«Acontece muitas vezes que o que uma mulher lê a torna mais atraente e elegante do que aquilo que veste.»

Ex-editora da Vogue francesa. 

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Michael Jackson - Billie Jean


Um grande artista!

Propaganda

As vezes tenho a sensacao que as fotos dos folhetos, e revistas de promocao, dos colegios e universidades deste pais mais parecem propaganda da China, ou da Coreia do Norte. Esta' toda a gente feliz e sorridente, bem nutrida e a posar em sitios que nao tem nada a ver com as instituicoes em questao. Ate' parece que alguns deles estao localizados mesmo ao lado do Big Ben, ou do palacio de Buckingham. 

terça-feira, 21 de junho de 2011

Deprimente

Este tem sido um dos piores meses de Junho desde que vivo em Londres. Chove quase todos os dias. Nao esta' frio, mas e' deprimente. Hoje esta' sol, mas nao acredito que tenha vindo para ficar. Mais razoes para  ter vontade de ir de ferias...

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Não sei se estou enjoada ou enojada. Ainda não decidi!

Formiguinha

Passei o fim-de-semana todo a trabalhar. Começar ou não a semana não faz diferença nenhuma. Que venha o próximo fim-de-semana, rápido, muito rápido!

domingo, 19 de junho de 2011

De Portugal e dos meus suspiros


Tenho lido muitos textos que abordam a realidade portuguesa, a entrada do FMI e o suposto 'gozo' que certas pessoas têm em falar das desgraças e dos resultados nada positivos, em termos de crescimento económico e desemprego. Não acredito que haja portugueses que tenham gozo em ver o país bater no fundo. Temos que aprender com os erros, tirar ilações sobre a governação e definir estratégias para seguir em frente.

Portugal não é o Sócrates, nem o Cavaco, nem o Alberto João Jardim, nem o Passos Coelho. O país é tão meu quanto deles. O que podemos é esclarecer a opinião pública, denunciar as mentiras, negociatas e lobbys, informar a população para que possam melhor escolher.

Custa ver que a factura descapitaliza quem está já delapidado, que se paga demasiado aos gestores públicos, e que cortar salários a quem já não ganha muito (somos a maioria senhores) vai ter consequências muito piores. Quem vive com tostões não pode gastar milhões. Senhores decisores: cortem a direito nos que ganham milhões, mandem metade dos funcionários públicos (os que nada fazem) para o olho da rua, regulamentem o sector bancário, não usem a política para servir as vossas empresas, e as do primo e as do tio. Não comprem os carros de luxo que o país não pode pagar, nem se ponham a viajar em primeira classe porque quem vos paga o luxo não pode ir de férias. Aprendam a gerir o país como uma dona de casa gere o seu orçamento. Deixem de ter políticas obesas numa país que sobrevive com pele e osso. 

A senhora Merkel e o FMI um dia perdem a paciência e com razão. Quem paga tem de exigir!

sábado, 18 de junho de 2011

Sardinhada ou ignorância minha...

O artigo - tendo como inspiração o recente casamento real inglês - tinha por objectivo inumerar, e descrever, histórias e curiosidades de princesas portuguesas que casaram com nobres europeus, ao longo dos séculos. Veio publicado na revista do jornal Expresso. Eu, que tenho um fascínio por história e pessoas, quis logo ler. Acontece que o texto que aqui publico é o começo do artigo. E não percebi nada, nem a ponta dum corno. Tentei mais do que uma vez, para mim não tem ponta por onde se pegue. Se calhar são os meus fracos conhecimentos de história, se calhar o texto está mesmo uma grande sardinhada. Não sei... Repito, este é o começo do artigo. Melhora, ou torna-se mais lógico, lá para o meio, mas o começo é difícil.   

Berengária e Valdemar II da Dinamarca (séc. XIII)

Um casamento envolto em mistério... Como surge um matrimónio entre reinos tão longínquos como Portugal e Dinamarca? Conta-se que Valdemar, quando ainda desconhecia que o futuro lhe reservava o trono, passou por aqui integrado numa cruzada e ajudou Sancho I a conquistar Silves. A sua bela filha Berengária ainda não nascera, mas o dinamarquês não se terá esquecido por onde andou, portanto, quando enviuvou, aos 44 anos, e lhe falaram nesta hipótese, não a desprezou. 

Atendendo à situação europeia, o mínimo que se pode pensar é que se juntou o útil ao agradável e que, quando se trata de política, as distâncias não importam. O rei francês pretendia que a Flandres lhe devolvesse umas terras e, ao separar-se da mulher, deixou de contar com o apoio do cunhado, o já rei Valdemar, deixando o ‘dono’ do condado mais tranquilo. Só que, ao fim de dez anos, Filipe Augusto II ‘reconciliou-se’ e Fernando, um dos 15 filhos dos segundos reis de Portugal, por casamento conde da Flandres, arranjou maneira de dar a volta à situação. 
Valdemar, apesar de ter um filho, precisava de mais herdeiros. Berengária é irmã de um conde poderoso e filha de um dos reis mais ricos da Europa, se sair à mãe tem uma ótima capacidade de procriação... 
E a portuguesa rumou longe para ser rainha. A boda deu-se em maio de 1214, em Ripen. Dois meses depois, Fernando e os aliados invadiram a França com o intuito de a dividir entre si. A investida falhou, o conde foi preso. Permanecerá 13 anos na cadeia em Paris, mais do que aqueles que a irmã viverá no reino da Dinamarca. 

In Revista Unica, Abril 2011

sexta-feira, 17 de junho de 2011

If your dog thinks you're the greatest person in the world, don't seek a second opinion!

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Como gosto da expressao 'tudo de bom'... NOT!



Projecto de conversa que nem chega a ser de circunstancia...

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Dream dream dream - parte II

Entretanto o ursinho disse que esta' igualmente desesperado por ir de ferias. Parar uns dias valentes. Fingers crossed!!!

A loica senhor!

Primeira accao do dia: parti a minha mega chavena, a que tinha o tamanho ideal para a dose de cafe' que necessito antes do cerebro despertar... Espero que seja so' isto...

terça-feira, 14 de junho de 2011

Dream dream dream

A cada dia que passa estou mais desesperada por tirar uma semaninha de ferias.  O desejo parece  estar ora mais perto ora mais distante. Sao o amontoar de trabalho - e outras circunstancias - que me vao fazendo avancar e recuar a toda a hora. Uma semaninha de sol e praia daqui a 1 mes ou 2. E' so' isso. Vou comecar a rezar...

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Espaco e tratados

A secretaria do meu colega do lado e' muito maior que a minha. Entao fiz-lhe a seguinte proposta: visto que Portugal e Espanha dividiram, um dia, o mundo em dois, com o tratado de Tordesilhas, nao e' justo que tenhas tanto espaco a mais. Para alem do mais, ha' cidades na India que tambem eram nossas (ele e' indiano). Como tal, vou usar parte da tua secretaria porque a nossa parte, segundo Tordesilhas, tambem era maior que a de Espanha etc. Ele concordou! :)

P.S - E agora estao a pensar o que tem a ver o cu com as calcas, right?!... Nada, absolutamente nada...

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Filhos

Ontem ouvi uma senhora dizer que se arrenpende de ter tido filhos. Que preferia nao ter tido. Ainda acrescentou que nao e' que nao goste deles. Adora-os, a filha e' brilhante e esta' a estudar na universidade de Oxford. Mas e' algo de que se arrepende. Achei triste e fiquei chocada. Nao sei as razoes mas nunca tinha ouvido alguem fazer uma afirmacao destas com conviccao...

quarta-feira, 8 de junho de 2011

terça-feira, 7 de junho de 2011

Memorias de infancia

Quando perguntei ao funcionario do take-away se tinha algum sumo de laranja sem gas, nao estava 'a espera da resposta que ouvi. Sim temos, capri-sonne de laranja... Mas isso nao e' sumo de adultos, respondi eu. Ele achou piada e disse que era um homem feito mas gostava do sumo. Resolvi entao alimentar a crianca que ha' em mim. Tenho a certeza que a ultima vez que bebi capri-sonne andava na escola primaria. Ate' me lembro que nao gostava nada dos de maca. O capri-sonne  nao so' fez parte da minha lancheira como da minha infancia. Na escola primaria que tinha um patio enorme de terra batida e cascalho. Na escola que ja' nao existe.

segunda-feira, 6 de junho de 2011

domingo, 5 de junho de 2011

Horchata


Ando viciada neste bebida mexicana. Cada vez que vou ao restaurante Wahaca acabo por beber duas. É tão fresca e leve que não me resta outro remédio senão tentar fazer em casa. Até porque não lá vou com muita frequência. Mas porque razão não descobri esta maravilha nas duas vezes que estive no México?!

sexta-feira, 3 de junho de 2011

What makes me happy...


Hugs and kisses
Food
A good book
Sleeping
Travelling
Writing
Cooking
Cute notebooks
Chocolate
Coffee
Seating for hours on a sunny terrace cafe
A blue sky
Having best friends around
Freedom
YOU

What?